Solucionado o Problema da Energia Solar?

Tem novidade! Antes que alguém diga que já viu uma igual na própria Espanha… Essa nova usina solar a base de espelhos gera energia também à noite! Nos esquemas anteriores os espelhos aqueciam a água gerando vapor que na pressão roda a turbina do gerador (dínamo) fornecendo eletricidade. A noite ou em dias nublados a coisa toda pára por falta da luz solar nos espelhos. Nesse novo esquema o que é aquecido inicialmente é um composto de sal (molten salt – sal fundido) que por sua vez transfere o calor para a água e o processo segue igual ao anterior… Como o sal guarda o calor por um tempo significativo antes de se resfriar totalmente, ele segue aquecendo a água e gerando o vapor que move a turbina mesmo durante a noite quando não está sendo aquecido. Essa não é uma tecnologia que o Brasil não tenha condições imediatas de absorver e dominar e que faria grande sucesso para eletrificar alternativamente o nordeste que possui um clima ideal para instalações desse tipo… Energia limpa e barata nunca é demais.

Essa lenta fase de transição de matriz energética está cheia de surpresas e fatos insólitos dignos de um realismo fantástico onde explicações aparentemente fáceis se misturam a um ilusionismo conspirador gerando dúvidas diversas… O grande público não está sendo informado, a não ser por publicações especializadas (essa nova usina espanhola vi em um canto de página da Popular Mechanics…) e noticiário regular não dá a mesma ênfase que o lançamento de um blockbuster de Holywood ou a venda de um jogador para outro time… E estamos falando da salvação de nossa civilização!!! Okay, aí temos as mesmas explicações de sempre, as mídias são movidas por publicidade… Laboratórios e grandes empresas da indústria de base não gastam dinheiro com publicidade… Mas não é toda a verdade, o acelerador de partículas europeu, um consórcio internacional obteve uma baita atenção da mídia internacional e trataram até de conseguir dentro da pesquisa uma vedete, a partícula de Higgs que apelidaram de partícula de deus… Um sensacionalismo barato que é benéfico pois divulga os avanços da ciência. Repito, não vejo essa euforia sensacionalista nas alternativas ao petróleo, até hoje, passado quase 2 anos de seu lançamento, pouco se discute da grande diferença entre o Volt da GM (que está indo muito bem em vendas, por sinal) e os demais híbridos, aliás nem o chamaria de híbrido, o chamaria de carro elétrico com um gerador a gasolina acoplado… Ninguém pergunta se esse gerador é FLEX e motores FLEX existem aos montes nos EUA, mesmo no tempo que não misturavam 10% de etanol em sua gasolina, até porque não é preciso ser FLEX para rodar com até aproximadamente 20% de etanol misturado… Isso mesmo, a uns 10 anos que diversos fabricantes americanos disponibilizam motores FLEX sem que o sistema seja necessário, pelo menos para a maioria das cidades onde não existem postos ofertando etanol.

Todos ficamos sabendo que a Merckel desligou algumas usinas nucleares velhas e prometeu desligar outras mais… Todavia, no pacote de notícias não houve destaque algum para as diversas alternativas da pesquisa alemã, e elas são muitas e bastante promissoras, muitas delas já sendo implementadas. Alguém acredita que logo os alemães vão dar o tiro no pé de ficarem dependentes das usinas nucelares francesas (até porque Shernobyl ensinou que estão todos muito próximos…)? Mas a notícia que favorece a não alternativa ao petróleo é destacada…. Será que são políticos que não estão preparados para conduzirem a grande troca? Não era para o Zapateiro fazer um escarcéu na inauguração dessa usina de Sevilha? Deixar o mundo todo saber que teoricamente o problema chave do aproveitamento da energia solar está sendo engenhosamente solucionado (essa usina é apenas um ponta-pé inicial, conseguiram o armazenamento de energia em larga escala de certa maneira, um verdadeiro e autêntico breakthrough, sendo um pouco precipitado talvez , um corte epistemológico na geração de energia) na Espanha que ele governa e que passa por um período de baixo astral econômico… Será que ele tem medo de atrair mais emigrantes? Tem patentes envolvidas? Essa praga de dominação mundial… Será que ele acha que isso é dar força para os partidos verdes europeus? O Obama prometeu em campanha deixar os EUA, novamente, auto-suficientes em energia (deixaram de ser em 1970) em 20 anos, já passaram quase 3… Contudo, foi Lula o presidente que mais deu publicidade a alternativa mais viável (para o momento tecnológico) ao petróleo, que são os bio-combustíveis, matéria que o Brasil domina com conhecimento mais do que de causa, conhecimento de quem usa… Estranho que o Brasil do pró-alcool, nas mãos de Geisel, foi um país que quebrou logo em seguida… Só uma coincidência… Voltando a Lula, novamente, um fato inusitado se passa… No meio da campanha que o projetara no cenário internacional, vem o anúncio da descoberta do pré-sal e zip, não se fala mais no assunto. Uma das guinadas de marketing político mais rápidas e abruptas que se tem notícia… Dá o que se pensar, principalmente quando se sabe que os pré-sais já eram conhecidos, tanto no Golfo do México, quanto das costas de Angola… Certas leituras de satélite são consideradas ultra-secretas… E o Mercadante? Ontem mesmo falavam do primeiro carro elétrico – ainda experimental – brasileiro, montado pela galera de engenheiros da usina de Foz do Iguaçu… O carro acabara de completar uma volta por diversos países com sucesso… Cadê o Ministro? A Petrobrás derruba ministro? Tem outra, tudo que se fala de geração de energia elétrica desde uma hipotética e promissora usina nuclear a fusão com experiência em andamento, até um reles gerador a diesel de um barco-hospital no interior da selva amazônica, passando por aquela garrafinha que pega no pneu da bicicleta da bicicleta enfeitada passa por uma velha tecnologia que é a do dínamo… A eficiência dos imãs na geração da energia pode ser decisiva… Nem as publicações especializadas dão muito destaque nesse ponto X da questão. Alguém conhece o nome de um fabricante de gerador? Claro… GE. E outro? Trata-se de uma questão metalúrgica que envolve metais raros na busca de magnetos cada vez mais potentes e dissipadores de energia… Temos um inventário dos metais raros envolvidos na metalurgia dos magnetos? Isso é tecnologia em aberto, sem cobertura de patentes, consegue-se montar um gerador melhor e ponto. Alguém vê algum ministro brasileiro andando por essas áreas e dando a devida publicidade para mostrar a todos que está trabalhando?

Anúncios

Sobre João Canali

Jornalista brasileiro e norte-americano residente em Miami, produtor e apresentador do Seriado Teorias (You Tube).
Esse post foi publicado em Divulgação Científica e Tecnológica. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s